No último dia de aulas do presente ano letivo, dia 14 de junho de 2019, cerca de uma centena de alunos do 7.º ano inscritos em EMRC estiveram na Serra do Gerês a realizar diversas atividades radicais.

Chegados ao local, os alunos foram divididos em grupos para a realização de diversas atividades. Vários grupos começaram com a atividade de orientação na Serra do Gerês. Os alunos, nativos digitais e que têm nos dispositivos móveis uma extensão do seu próprio corpo, tiveram, no início, alguma dificuldade na orientação com a carta militar e a bússola, mas conseguiram encontrar os oito pontos e realizaram as diversas atividades ao longo do percurso como, tiro com arco e zarabatana, obtendo pontuação pela prestação de cada grupo.

Entretanto, os restantes grupos estiveram a superar o medo e a ansiedade na atividade de arvorismo, cujo desafio era ultrapassar pontos flutuantes terminando com o slide.

Os alunos, apesar da ameaça da chuva, conseguiram realizar com êxito as diversas atividades e gostaram de superar os seus limites. Demonstraram durante toda atividade um grande civismo o que foi denotado pelos monitores e professores que os acompanharam durante as atividades.

O grupo disciplinar de EMRC aproveita, para agradecer publicamente, aos professores Ana Paula Moreira, Anabela Silva e Luís Cerqueira.

 

Realizou-se, no dia 7 de junho, mais uma edição do “A Escola convida”, as atividades de encerramento do ano letivo na Escola Básica Bernardino Machado.

Esta iniciativa contou com a participação de vários departamentos do agrupamento. Assim, a partir das 15h30, foram dinamizadas várias atividades, organizadas em barraquinhas no espaço exterior da escola, na sala dos alunos assim como na biblioteca da Escola Básica.

Foi, assim, possível participar nos jogos eletrónicos/informáticos e lógicos, realizar experiências de Ciências Naturais e de Físico-Química, performances de Leituras Dramatizadas e da Oficina de Leituras Encenadas ou ver as exposições de trabalhos de Educação Visual e Tecnológica.

Simultaneamente decorreram apresentações de atividades, por parte de diversas turmas, inseridas nos domínios de autonomia curricular. Uma iniciativa que permitiu aos alunos e encarregados de educação presentes, assistir a alguns dos trabalhos em que estiveram envolvidos ao longo do ano.

 Durante algumas horas pudemos assistir a momentos de grande alegria, harmonia e interesse por parte dos presentes e que serviu também para mostrar, mais uma vez, o excelente trabalho desenvolvido neste agrupamento.

Como tem sido habitual, agora inserido nesta atividade, decorreu a V edição do Bernardino Got Talent, organizada, como tem sido habitual, conjuntamente com a Associação de Pais e Encarregados de Educação da Escola Básica Bernardino Machado, ficando, também, responsável pela dinamização do bar.

Os presentes puderam assistir a várias exibições de canto, dança e stand up comedy, em apresentações individuais ou em grupo.

No final o júri deliberou e foram entregues os prémios, mais uma oferta da Associação de Pais e Encarregados de Educação, para os três primeiros classificados nas duas categorias a concurso. Para o próximo ano há mais!!!!!!

 

 

Os alunos do 3º e 4º ano de escolaridade usufruem das Ciências Experimentais, desde o início do ano letivo, de 15 em 15 dias, em coadjuvação com a disciplina de estudo do meio. Neste espaço desenvolvem atividades relacionadas com a ciência abordando temas como as Ciências Naturais, a Geologia, a Química, a Física, a Mecânica e a Astronomia previstos no programa de estudo do meio

Os desafios são sempre interessantes, principalmente se for um concurso de ciência.

Ciência feita por miúdos e pelos seus pais e encarregados de educação com a colaboração do professor titular e do professor das Ciências Naturais ou de Físico-química. Neste âmbito foi proposto aos alunos do 3º e 4º anos de escolaridade, que juntos com os seus pais, familiares e Encarregados de Educação desenvolvessem ao longo do ano um projeto de ciência integrado nos temas de estudo do meio e relacionados com as ciências (Ciências Naturais, Geologia, Química, Física e Astronomia) para participarem no concurso “Brincar com a Ciência”. Os trabalhos finais foram expostos e avaliados na 3ª edição da minifeira da ciência no dia 8 de junho, na Escola sede de Agrupamento, Escola Secundária Padre Benjamim Salgado.

Participaram neste concurso 130 meninos das 14 turmas de 3º e 4º ano, num total de 77 trabalhos, foi uma participação em bloco fenomenal e maravilhosa, houve inclusive turmas que participaram na totalidade.

Todos os trabalhos apresentados estavam espetaculares e é de salientar a qualidade científica de cada um. Todos os meninos e seus Encarregados de Educação estão de parabéns pois a panóplia de trabalhos foi tanta que o júri não teve mãos a medir.

Como se tratava de um concurso, apesar de ser uma feira da ciência, foram selecionados, para cada ano, 3 trabalhos de entre os que foram apresentados por se enquadrarem perfeitamente no tema e espírito do concurso proposto.

Assim no 3º ano foram selecionados os projetos “Roda a Vapor”, “Fonte de Heron” e “ Tornado em frasco”, dos alunos Martim Rodrigues da 3EBJ12, Lia Fernandes da 3EBJ12 e Rita Carvalho da 3EBJ11 respetivamente.

No 4º ano foram selecionados os projetos “Carro com motor elétrico”, “Periscópio” e “Braço robótico”, dos alunos Martim Azevedo da 4EBM02, Leonor Ribeiro da 4EBJ07 e Lara Francisca da 2EBJ02 respetivamente.

Para além dos premiados, em todos os trabalhos era visível o empenho e trabalho desenvolvido entre os alunos e os seus Encarregados de Educação e todos se esforçaram e participaram ativamente e com entusiasmo na minifeira da ciência, demonstraram que também se faz ciência e se aprende ciência a brincar.

A organização da atividade agradece a todos os que participaram, estão todos de parabéns pequeno e graúdos (pais, familiares e Encarregados de Educação) que se disponibilizaram a mostrar o que de mais genuíno e belo se pode fazer em ciência, bem como motivaram os seus educandos para uma atividade diferente e criativa. Um obrigado aos professores titulares de turma das escolas básicas do 1º ciclo do Agrupamento e aos professores de Ciências Experimentais por motivarem os alunos para o estudo da ciência.

Deixa-se também uma palavra de agradecimento ao Agrupamento de Escolas Padre Benjamim Salgado na pessoa do seu Diretor, professor José Alfredo Mendes pela simpatia e disponibilidade demonstrada durante todo o processo de preparação e consecução da atividade. Bem como agradecemos à Câmara Municipal de Famalicão que se fez representar pelo seu Vereador Leonel Rocha pela disponibilidade e simpatia demonstrada durante a atividade.

A todos os nossos parabéns, continuem a fazer ciência e a pensar em ciência sejam uns pequenos cientistas e uns grandes pensadores

 

No passado dia 6 de junho, pelas 15:15 horas, decorreu no Anfiteatro do Bloco B, da Escola Secundária Padre Benjamim Salgado, uma Palestra sobre "Direitos Humanos e Refugiados", organizada pela turma G, do 10.º Ano, no âmbito da Área de Cidadania e Desenvolvimento.

Foi com muito interesse e entusiasmo que, todos os alunos das  turmas G e F, do 10.º ano, do Curso Científico Humanístico - Línguas e Humanidades, acompanhados pelas professoras das disciplinas de Matemática Aplicada às Ciências Sociais, Irene Gonçalves, e Filosofia, Ana Paula Costa, participaram nesta Palestra, sob o "olhar atento" do palestrante Manuel Cunha, coordenador do grupo do Porto da Amnistia Internacional.

Vários foram os assuntos analisados e debatidos a partir da visualização de algumas fotos, frases e vídeos alusivos e relacionados com o tema.

Os alunos tiveram, assim, a oportunidade de clarificar algumas ideias e colocarem questões pertinentes de caráter ético e humanitário, solicitando sempre, que possível, a opinião do orador, na tentativa de encontrarem soluções para determinados problemas que dizem respeito à Declaração Universal dos Direitos Humanos e à situação dos Refugiados.

 

 

 

 

O último dia de aulas foi um dia muito especial para os alunos da turma do 10. º F do Curso Científico Humanístico - Línguas e Humanidades e alunos da Prova de Aptidão Profissional: “Envelhecimento Ativo”, do Curso Profissional de Técnico/a Auxiliar de Saúde (CPTAS).
No âmbito da área de Cidadania e Desenvolvimento e do Projeto "Escolas Solidárias - Fundação EDP", os alunos realizaram esta atividade integradora deste ano letivo com a presença de quarenta idosos do Centro Social de Castelões e da Casa de Giestais, que visitaram a Escola Secundária Padre Benjamim Salgado e passaram uma tarde de convívio, dança e partilha de experiências.
Todos os participantes estavam felizes e os alunos procuraram dar o seu melhor, numa atividade que foi organizada com muito carinho e dedicação. Antes da despedida, os alunos ofereceram uma lembrança, com uma fotografia da turma, tendo por objetivo que os convidados se recordassem desta tarde, bem passada. De salientar que, o AEPBS tem vindo a desenvolver atividades que promovem a participação da população próxima da escola, não só em atividades com a comunidade educativa em geral, mas também, tem sido muito promovido o convívio intergeracional, procurando sensibilizar os alunos para o respeito que os nossos idosos merecem, bem como para tudo aquilo que ainda nos podem oferecer.
Agradecemos ainda, a todos os pais e encarregados de educação que de uma forma ou de outra, colaboraram nesta atividade, bem como, aos professores, diretores de turma e elementos da direção do AEPBS nela envolvidos, assim como, aos representantes das instituições que sempre que são solicitados colaboram positivamente com a Escola.

 

Escola Saudável - nível intermédio

Apresentação do AEPBS